Buscar

O Poder Da Música

Atualizado: 10 de Mar de 2020


Imagem: Freepik


A música esta presente em nosso cotidiano e é difícil encontrar alguém que não goste de ouvir, seja Rock, Eletrônica, Sertanejo, Funk, POP ou qualquer outro estilo, afinal cada um possui gostos particulares não é mesmo? A cultura da música é uma arte tão prestigiada que praticamente para tudo que fazemos existe algum tipo de música, casamentos, formaturas, festas, aniversários e até mesmo em dias de luto ela está presente.


Ouvir música sempre faz bem?


Com toda certeza! E se a gente te dissesse que hoje em dia existem até tratamentos terapêuticos com sessões de músicas e o profissional responsável por isso é o musicoterapeuta. Ela é um elemento terapêutico por excelência. É algo medicinal e sem contra-indicações, a não ser é claro a própria vontade do paciente de parar de ouvir ou tocar e também o fato de que volumes muito altos podem ser prejudiciais a audição.


Quais são os benefícios para saúde em ouvir músicas?


Música é Para Todos!


Você sabia que a música também é para os surdos? A música pode ser sentida de dois jeitos diferentes: ou por meio das vibrações ou com um interprete de Libras.

Para os ouvintes, o som (que é uma onda, que vibra o ar) vibra os ossos e membranas dos ouvidos e essa vibração é decodificada pelo cérebro como sons. Quando você é surdo, recebe essas mesmas vibrações, mas geralmente, existe algum problema nessa comunicação com o cérebro e o surdo acaba não reconhecendo as vibrações como sons. O que não significa que eles não sentem a música, aliás, eles acabam sendo até mais sensíveis a elas do que os ouvintes, eles conseguem sentir a música, literalmente, vibrando por todo o seu corpo.

É isso que permite iniciativas como o Samba com as Mãos, no qual a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida de São Paulo leva surdos para assistirem ao Carnaval Paulistano e sentir a vibração da bateria, ou como a Banda do Silêncio, composta apenas por crianças surdas tocando instrumentos. Outra maneira de fazer a música acessível aos surdos é o recurso do interprete em shows e concertos.


Presente no Tratamento Contra as Drogas!


Na Holanda há um instituto terapêutico, ao qual o governo holandês delegou aspectos importantes do tratamento de prevenção à droga adicção, onde a música é elemento chave nos processos desenvolvidos. Dentro da sede, há um estúdio profissional onde as pessoas que estão em recuperação psicológica fazem suas próprias músicas. Nesse estúdio é produzida toda a trilha sonora que permeia as atividades da casa. Sendo música de alta qualidade, exportada até para muitos centros de terapia ao redor do mundo. As melodias servem a diferentes aspectos da natureza humana: para estimular a sexualidade, para explorar os sentimentos de tristeza e de alegria, para processos catárticos (para por os demônios internos para correr!), para interiorização, meditação e relaxamento.


Melhora Funções Cerebrais!


Para quem viaja muito de ônibus é comum ter o hábito de utilizar fones de ouvidos durante o percurso, e quase sempre nesse meio tempo, por nos sentirmos em paz, organizamos diversos pensamentos em nossa mente, seja ao lembrar de um amigo ou de alguém em especial ouvindo determinada música, porque não simplesmente se perder em seus próprios pensamentos, imaginando como se estivesse em um clipe, ou dançando ao ritmo da música? A Música também pode nos fazer a nos concentrar quando estamos estudando já que nos ajuda a manter o foco e ser mais produtivo.


Ajuda a Melhorar o Sono!


O sono exige que estejamos aconchegados para que possamos descansar bem e a música com o passar dos anos foram sendo cada vez mais estudadas com o intuito de tratar pessoas com problemas de insônia, como forma de meditação da qual trabalha com elementos relaxantes como barulhos da natureza, sendo eles o da chuva, pássaros entre outros. Tudo isso para ajudar a ter uma boa noite de sono!